“LEITURA AMBIENTALISTA EQUIVOCADA” RESULTOU EM AUMENTO DO USO DE TERMOELÉTRICAS

evaristo-61-300x200O doutor em ecologia pela Universidade de Montpellier Evaristo de Miranda, pesquisador da Embrapa, falou sobre as escolhas estratégicas no setor de energia e debate as soluções para o futuro.

Para Evaristo, a decisão de abdicar de construção de hidroelétricas com reservatórios no lugar de estações “a fio d´água” deixou a matriz energética fragilizada em tempos de seca. O resultado é o aumento no uso de termoelétricas, que são mais caras e poluentes.

O especialista, porém, defende um cenário otimista para o médio e longo prazo. Municípios adiantaram obras de infra-estrutura em reação ao período de seca e o resultado positivo poderá ser sentido já em 2016.

Mais detalhes em: http://radiobandeirantes.band.uol.com.br/conteudo.asp?ID=740943

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *